• Ageimagem

Artrose aparece em estudo da OMS como uma das principais causas de óbito em pessoas com 60 anos ou m


Em 2050 uma em cada cinco pessoas será dessa faixa etária passando para 2 bilhões no mundo

Uma nova pesquisa da Organização Mundial da Saúde (OMS), publicados na respeitada revista médica The Lancet e divulgada nesta quinta-feira, mostrou que em 2020 o número de pessoas com 60 anos ou mais no mundo será maior que o de crianças com menos de cinco anos, é a primeira vez na história que isso acontece. O número de pessoas hoje no mundo acima de 60 anos está em 841 milhões e em 2050 uma em cada cinco pessoas será dessa faixa etária passando para 2 bilhões.

Em entrevista a imprensa o diretor do departamento de estatísticas da OMS, Tiers Boerma, afirmou que nos países com renda baixa ou média, os serviços de saúde não são formados para tratar de pessoas idosas e também destacou que essas pessoas têm problemas de saúde múltiplos e crônicos, e citou por ordem de causas de óbito o câncer, as doenças respiratórias, a artrose, problemas mentais e neurológicos.

Citada no estudo a artrose, é causada pelo desgaste da superfície articular.

O ortopedista e especialista em coluna, Dr. Rogério Vidal, explica que a artrose pode ocorrer em qualquer articulação, mas normalmente afeta as que apresentam maior movimento.

“A artrose costuma se instalar no quadril, nos joelhos e na coluna, são os lugares onde vemos mais, mas podem aparecer nas mãos, nos pés, nos ombros”.

O especialista explica quais as principais causas da artrose e diz que a rotina da pessoa e os hábitos é que vão influenciar em um desgaste maior ou menor das articulações.

“As causas da artrose dependem do tipo do trabalho, se a pessoa pratica atividades físicas regularmente, doenças degenerativas, obesidade, tudo isso pode causar um desgaste maior nas articulações e ajudar na manifestação do problema”.

O tratamento preventivo é a melhor forma para prevenir as dores da artrose segundo Dr. Rogério Vidal, como a prática de atividades físicas, uma alimentação balanceada, medidas para retardar o aparecimento dos sintomas.

“O procedimento cirúrgico se tornou a última opção e é utilizado só em casos de uma artrose severa e caso os tratamentos conservadores não estejam fazendo efeito. Como o paciente vem buscando de forma mais precoce os tratamentos, conseguimos dar uma qualidade de vida a pessoa, prevenindo a cirurgia, com acupuntura, fisioterapia, etc.,”, conclui o doutor.

Sobre o Dr. Rogério Vidal de Lima – Ortopedista

www.rogeriovidal.com.br

Dr. Rogério Vidal de Lima é especialista em Coluna pelo Hospital das Clínicas – SP, membro da SBOT - Sociedade Brasileira de Ortopedia e Traumatologia, membro da Sociedade Brasileira de Patologias da Coluna e ainda da International Affiliate Membership of AAOS – American Academy of Orthopaedic Surgeons.

#release #artrose #saúde #drrogériovidal

1 visualização

Ageimagem  |  São Paulo

 

Rua Jandiatuba, 630, cj 511

Centro Empresarial Jardim Sul

Morumbi  |  São Paulo

contato@ageimagem.com.br

Telefone: 11 99665-7704

Ageimagem  |  Rio de Janeiro

 

Av. das Américas, 11.365, A3 Offices - 2º Andar  |Barra da Tijuca  | Rio de Janeiro

contato@ageimagem.com.br

Telefone: 21 99717-7704

Segue nós_

  • Facebook Clean
  • YouTube Clean
  • Instagram Clean
  • Branca Ícone LinkedIn

2020 © por AgeImagem

Produzido por Dalton Wang

  • Black Instagram Icon
  • Black Facebook Icon
  • Black LinkedIn Icon
  • Preto Ícone YouTube