• Ageimagem

Mapeamento revela que mortes por câncer voltaram a crescer no Brasil


Entre as mulheres, o câncer de mama é o que mais mata. Entre os homens, o que mais mata é o tumor no pulmão

Veja a matéria do Portal do Jornal Hoje

jornal hoje.png

O número de mortes por tipos de câncer mais agressivos aumentou no país, depois de anos em queda, revela mapeamento da doença realizado pelo Instituto Nacional do Câncer. Entre as mulheres, o câncer de mama é o que mais mata. Já, entre os homens, o principal vilão é o tumor no pulmão.

Quanto mais cedo é feito o diagnóstico, maiores são as chances de cura da doença. Por isso, nessa quinta-feira (27), em várias cidades do país há campanhas de prevenção, que fazem parte do Dia Nacional de Combate ao Câncer.

O mapeamento mostra que entre os homens a taxa de mortalidade por câncer de brônquios e de pulmão estava em queda desde 2004, mas voltou a subir em 2012. Em dez anos, o número de mortes subiu 32%. Nas mulheres, o câncer de mama é o que mais mata e o de pulmão vem em segundo lugar. O índice de mortalidade das duas doenças cresceu de 2009 a 2012.

Segundo o Instituto Nacional do Câncer, em 2015 a previsão é de aproximadamente 576 mil casos novos da doença no país. O câncer de pele é o tipo com mais casos no Brasil, mas não é o que mais mata (182 mil casos novos).

No sábado (29), os dermatologistas farão exames em todos as pessoas que comparecerem aos postos de atendimento montados no país. Clique aqui e confira a lista completa dos postos que terão o atendimento.

#câncerdepele #sbd #jornalhoje #tvglobo

0 visualização0 comentário