• ageimagem

Você sabe quais são os problemas de pele mais comuns entre as brasileiras?


Melasma, rosácea, manchas de sol, olheiras… Se identificou com algum deles? Então saiba como tratá-los.



Ter uma rotina de cuidados diários com o rosto nem sempre é suficiente para eliminar algumas das principais condições de pele que podem surgir. Mas, com tratamentos direcionados e o acompanhamento de dermatologistas, é possível contornar a maioria desses problemas.

Abaixo, listamos algumas das quatro condições de pele mais comuns e explicamospor que elas ocorrem e o que fazer para controlá-las. Confira!


Rosácea

Vermelhidão facial, principalmente na área central da face, e o surgimento de pústulas (pequenas elevações que parecem espinhas) são algumas das manifestações mais comuns da rosácea. Essa condição é uma doença de pele inflamatória que ocorre quando os vasos sanguíneos não conseguem mais se contrair ou dilatar corretamente.


Porém, nem todo mundo que tem rosácea sofre com os mesmos sintomas. Dividida em três grupos diferentes, a doença é classificada em: rosácea com avermelhamento e vasos aparentes, com pústulas e avançada, que ocorre quando a inflamação também atinge o nariz e a área dos olhos.


A rosácea normalmente se manifesta em pessoas de pele clara e sensível e não há um motivo específico que a faz ser desencadeada. Estresse, ingestão de bebidas alcoólicas, o uso de produtos que irritam o rosto e a mudança para um ambiente com variação de temperatura brusca podem ser alguns dos fatores que despertam essa condição.


Por ser uma doença de pele crônica, não é possível curá-la de forma definitiva, mas diversos tratamentos estão disponíveis atualmente para ajudar a controlar esse problema. “O primeiro passo para cuidar da rosácea é procurar um dermatologista e fazer o diagnóstico correto, pois muitas pessoas confundem essa condição com acne. Com isso feito, o tratamento é iniciado com produtos tópicos anti-inflamatórios. Para casos de rosácea mais graves, que tenham o aparecimento de pústulas ou inflamação na região dos olhos e nariz, o uso de anti-inflamatórios orais é recomendado”, explica a dermatologista Dra. Denise Steiner.


Como a rosácea deve ser controlada ao longo da vida, os cuidados diários são imprescindíveis para manter a pele em ordem. Por isso, incluir produtos para peles sensíveis, hidratar corretamente e aplicar o filtro solar todos os dias são passos essenciais que devem constar na rotina de beleza. “Na hora de cuidar da rosácea, fique longe de medicamentos com corticóide. Eles podem até apresentar uma melhora imediata, mas, a longo prazo, trazer efeitos colaterais para a pele”, finaliza a Dra. Denise.


Veja a matéria publicada pelo site M de Mulher.

#Dermatologia #Cuidadoscomapeles #Problemascomuns #Ageimagem #AgeimagemRio #AgeimagemSP

0 visualização

Ageimagem  |  São Paulo

 

Rua Jandiatuba, 630, cj 511

Centro Empresarial Jardim Sul

Morumbi  |  São Paulo

contato@ageimagem.com.br

Telefone: 11 2985-9823

Ageimagem  |  Rio de Janeiro

 

Av. das Américas, 11.365, A3 Offices - 2º Andar  |Barra da Tijuca  | Rio de Janeiro

contato@ageimagem.com.br

Telefone: 21 2146-2337

Segue nós_

  • Facebook Clean
  • YouTube Clean
  • Instagram Clean
  • Branca Ícone LinkedIn

2020 © por AgeImagem

Produzido por Dalton Wang

  • Black Instagram Icon
  • Black Facebook Icon
  • Black LinkedIn Icon
  • Preto Ícone YouTube