• ageimagem

Maternidade congelada: vale a pena preservar óvulos por causa da carreira?


Estocar os óvulos é tendência entre mulheres que desejam ser mães e enfrentam incertezas.

Um bom pacote de benefícios é um trunfo do empregador na hora de atrair e manter bons profissionais. Muitas empresas vêm se empenhando para oferecer vantagens que façam brilhar os olhos de seus funcionários.

Em 2014, gigantes de tecnologia, como Apple, Facebook e Microsoft, levantaram polêmica ao anunciar que passariam a oferecer um subsídio de 20 000 dólares às funcionárias que quisessem congelar seus óvulos. (A mesma iniciativa não faz parte da política dessas empresas aqui no Brasil.)

O procedimento consiste na coleta e na estocagem dos gametas femininos quando a mulher ainda está em idade fértil (até os 40 anos) para que possam ser usados no futuro quando ela achar oportuno.

A preservação é feita em contêineres em temperatura próxima a 200 graus negativos — daí o congelamento ou a criopreservação — e o material pode ser mantido por tempo indeterminado sem perda de qualidade, garantem os especialistas.

Confira a matéria completa no portal da revista Exame.

#Exame #Maternidadecongelada #óvulos #benefícios #estocagemdosgametasfemininos

0 visualização

Ageimagem  |  São Paulo

 

Rua Jandiatuba, 630, cj 511

Centro Empresarial Jardim Sul

Morumbi  |  São Paulo

contato@ageimagem.com.br

Telefone: 11 2985-9823

Ageimagem  |  Rio de Janeiro

 

Av. das Américas, 11.365, A3 Offices - 2º Andar  |Barra da Tijuca  | Rio de Janeiro

contato@ageimagem.com.br

Telefone: 21 2146-2337

Segue nós_

  • Facebook Clean
  • YouTube Clean
  • Instagram Clean
  • Branca Ícone LinkedIn

2020 © por AgeImagem

Produzido por Dalton Wang

  • Black Instagram Icon
  • Black Facebook Icon
  • Black LinkedIn Icon
  • Preto Ícone YouTube