• Ageimagem

Conheça a "Mascne": acne causada pelo uso de máscara

O tema foi destaque na mídia com a participação da dermatologista Valéria Campos


Imagem: Reprodução canal Band Jornalismo


Primeiro veio o incômodo com o aumento da oleosidade da pele. Depois o aparecimento indesejado da acne e em seguida a consulta ao dermatologista. A máscara provoca um aumento da temperatura na região do rosto, que estimula as glândulas sebáceas. Quando as glândulas inflamam, elas provocam a acne. A indústria de cosméticos já identificou um crescimento na procura de soluções para o problema. Um crescimento de até 17% nas vendas. O nome #mascne foi dado pela empresas do setor para identificar o fenômeno.

A dermatologista Valeria Campos (@dravaleriacampos) alerta para alguns cuidados a serem tomados quando as espinhas surgirem. "Não mexa. Quando você cutuca leva inflamação bacteriana para dentro e como ela é muito profunda demora muito para cicatrizar.", explica a dermatologista, membro da Sociedade Brasileira de Dermatologia. Dra Valeria ainda chama atenção para soluções caseiras que também costumam agravar o problema, "Pasta de dente, potinho da vovó, nada disso adianta porque aumenta ainda mais a oleosidade da pele".

Mas ninguém deve deixar de usar a máscara por causa da acne. A dermatologista explica que manter o rosto limpo e lavar a máscara ajudam a evitar o problema. "Troque a máscara ao longo do dia. Não fique com a mesma máscara o tempo todo. Esse é um cuidado básico que vai ajudar muito", conclui a especialista.

Veja outros posts sobre Acne:


"Qual é a diferença da acne que aparece na pele adulta e na de adolescentes? " Saiba mais

Acne: como combater o problema em mulheres adultas

O site M de Mulher falou sobre os cuidados com a pele que podem piorar a acne

para ver a reportagem da BandTV clique aqui

10 visualizações0 comentário