• Ageimagem

Gabi Amaral é aposta da Universal Music para o público jovem

Atualizado: 14 de abr.

Cantora de 15 anos lançará, a partir de maio, singles nas plataformas digitais da gravadora





Créditos: Mikaela Sales / Agência Casting Five



A voz doce e o brilho no olhar chamam a atenção logo no primeiro contato, mas quando a gente mergulha mais a fundo na arte de Gabi Amaral é que o multitalento da artista se revela em sons e cores. A música é a paixão, mas ela coleciona apresentações no teatro, cinema e web, além de produzir design gráfico para redes sociais e ilustração de livros. Nesse momento, em que se prepara para o lançamento como cantora, ela está escrevendo um livro, gravando duas web-séries e um filme e compondo a música-tema de uma peça que irá percorrer o Brasil, a partir de junho. "O que mais me impressiona é que ela faz tudo isso com um sorriso de felicidade que contagia a todos nós. Ela tem prazer no que faz e ao deixar isso claro pra gente só nos estimula a seguir em frente", conta Patricia Limeira, mãe e empresária da cantora..


Uma nova fase de grandes expectativas


O convite para integrar o casting da Universal Music veio através do selo Cris Du Chat, de Gonçalo Vinha, depois que o executivo viu na internet Gabi Amaral cantando um cover da música Somewere Only We Know, gravado no estúdio palco 41, do Rio de Janeiro, um ícone da música por onde passaram nomes como Lenine, Barão Vermelho e até o Queen.


O contrato com a gigante mundial do entretenimento prevê a produção de 24 singles em dois anos e 8 videoclipes que serão exibidos nas Plataformas digitais e incluídos no catálogo mundial da Universal Music, onde estão pesos pesados da música, como Taylor Swift, Billie Eilish, Rihana e Adele entre os destaques internacionais e Ivete Sangalo, Luíza Sonza e Sandy, na lista nacional.


"Espere por mim", a música que marca a chegada de Gabi Amaral na Universal Music fala de amizades e relacionamentos entre jovens como ela e foi composta pela própria Gabi "Eu pensei muito naquelas pessoas que constroem um bloqueio emocional que as impedem de aprofundar relacionamentos e essa superficialidade acaba gerando problemas entre amigos de um determinado grupo", comenta a artista. Quem assina a produção musical é Apollo 9, nome respeitado do mercado fonográfico e produtor de grandes nomes como Rita Lee, Otto, Ira, Nação Zumbi, Marcelo D2, Seu Jorge, e outros. "Desde que ouvi a Gabi cantar pela primeira vez eu me encantei com a suavidade e afinação da sua voz", revela Apollo referendado por Gonçalo, “No caso da produção da Gabi, acredito que estamos diante de algo que ainda não vimos antes. O Apollo não gosta de copiar ninguém e vai lançar algo novo. Esperamos fazer música de qualidade e aproveitar esse ambiente bacana, de uma família unida e de umtalento tão inspirador quanto o da Gabi Amaral”, conta.


Repertório eclético


Histórias do cotidiano jovem e das suas experiências pessoais e dos amigos se juntam a temas mais engajados como a causa ambiental que aparece em Pantanal, composta por Carlos Rennó e Apollo 9, um hino em defesa do segundo maior bioma do País. A canção surge num momento oportuno em que o Pantanal sofre com o avanço das fronteiras agrícolas e a devastação causada pelas queimadas criminosas. "Eu acho que a arte precisa ter um propósito. O artista precisa ser um ativista da vida e é uma responsabilidade social que não podemos fugir", reflete Gabi.



As capas do single foram pensadas pela própria Gabi Amaral em parceria com o fotógrafo e artista gráfico Omar Ben Handam. Ele diz que se surpreendeu com a forma como ela conduziu o trabalho e como os dois se integraram rapidamente. "Trabalhar com a Gabi foi fácil, uma menina doce, mas que sabe o que quer. Ela me passou as ideias dela e eu como diretor de fotografia fiz minha parte, que foi pegar essa ideia e fazer crescer, acrescentar, tirar da cabeça dela e concretizar. Uma parceria fácil e gostosa de trabalhar, acho que estávamos na mesma "vibe" e com muita vontade de fazer bonito, então o resultado não poderia ser outro", confessa.




Sobre a artista


Gabriela Amaral, tem 15 anos, nasceu em São Paulo, mas mora no Rio de Janeiro desde 2015, onde encontrou o cenário ideal para desenvolver seus talentos. Começou frequentando aulas de teatro e participando de peçasinfantis, especialmente musicais. Um deles, Annie, o musical foi sucesso de público e crítica, na temporada no teatro Riachuelo. A estreia no streaming, na webserie Love Rock&Blues, rendeu a indicação para o prêmio de revelação infanto juvenil na Rio Web Fest e a chance de representar o Brasil, na Miami WebFest. No cinema. esteve ao lado de nomes como Isabel Fillardis e o canto buchecha, em Love Rock&Blues, o filme. O projeto mais recente é a produção Condomínio do Barulho – O retorno da Milla, em que Gabi interpreta uma adolescente bem antenada com causas sociais e ambientais e que na primeira temporada da Websérie alcançou mais de 10 milhões de visualizações.



A trajetória da artista inclui ainda a participação em 3 oportunidades como apresentadora e cantora do Playing For Change Brasil, apresentado simultaneamente em 60 países. Em 2020, ela comandou de casa a transmissão do segmento Teen, com o total de 5 horas de produção exibidas em lives na web. Gabi lançou, na Bienal do Livro, no Riocentro, o livro “Escola FM”, no qual, não só escreveu um dos capítulos como fez todas as ilustrações.


Instagram: https://www.instagram.com/gabiamaraloficial/


Facebook: https://www.facebook.com/GabiAmaralOficialPG



7 visualizações0 comentário