• Ageimagem

Psoríase não é contagiosa!



O Dia Nacional da Psoríase, 29 de outubro, é uma data para gerar conscientização e informar as pessoas sobre essa enfermidade que não tem cura. 


De acordo com o Ministério da Saúde, os pacientes que desenvolvem essa comorbidade possuem maior risco de desenvolver outras doenças, do tipo cardiovasculares, inflamatórias intestinais, diabetes, obesidade entre outras.


Mas, nem todo mundo conhece essa enfermidade ou sabe quais são seus sintomas, por isso, para auxiliar no conhecimento dessa patologia, separamos algumas informações. Confira!


O que é a psoríase? Consiste em uma doença inflamatória da pele que caracteriza-se por lesões que aparecem no couro cabeludo, cotovelo e joelho. Geralmente são avermelhadas e descamadas, de origem crônica, não sendo contagiosa. 


“Há uma tendência a ter a doença quem tem no DNA alterações específicas e determinantes. Além disso, parece que um gatilho para desencadear a doença é necessário, seja desbalanço imunológico, estresse, álcool, remédios, infecções por diversos microrganismos, como bactérias estreptococos, estafilococos e vírus HIV”, explica o Dr. Cristiano Kakihara, membro titular da Sociedade Brasileira de Dermatologia (SBD), da Sociedade Brasileira de Cirurgia Dermatológica (SBCD) e médico dermatologista da Clínica Letícia Nanci e responsável técnico da Clínica Kakihara.


Sintomas e tipos da enfermidade

A psoríase possui diferentes tipos com sintomas característicos segundo o Ministério da Saúde, são eles:


  • Psoríase Vulgar: de tamanho variado, as lesões podem ser prateadas ou acinzentadas.

  • Psoríase Invertida: aparece nas áreas mais úmidas do corpo e nas dobras.

  • Psoríase Gutata: em forma de gotas, essas lesões surgem nas coxas, braços e tronco. São mais comuns em crianças e adultos jovens.

  • Psoríase Eritrodérmica: costumam surgir em 75% do corpo ou mais.

  • Psoríase Ungueal: manchas amareladas que aparecem nas unhas.

  • Psoríase Artropática: podem aparecer nas pontas dos dedos das mãos e pés, causando dor ou nas articulações do joelho.

  • Psoríase Pustulosa: Lesões com pus presentes nos pés e mãos, também podem se espalhar pelo corpo.

  • Psoríase Palmo-Plantar: Consiste em lesões que surgem na palma das mãos e solas dos pés.


Psoríase x dermatite de contato

Muitas pessoas confundem a dermatite de contato com a psoríase, mas é necessário destacar que as duas possuem suas diferenças.


“São doenças totalmente diferentes, cujas causas e mecanismos de desenvolvimento não coincidem. A dermatite de contato é uma doença inflamatória, decorrente da sensibilidade da pessoa a um determinado alérgeno ou irritante. Os quadros clínicos das doenças costumam ser bem diferentes, bem como os tratamentos”, explica Dr. Cristiano.


O médico ainda lembra que o contato e a pressão sobre a pele podem desencadear, sim, novas lesões de psoríase, e este fenômeno se chama Köebner. Assim,  o recomendado às pessoas que têm psoríase é que evitem traumas na pele, como fricionar toalhas, usar roupas apertadas ou fazer esportes que gerem lesões cutâneas, como arranhões e raspões.



Tratamento da Psoríase

A psoríase não possui cura, mas há tratamento. O dermatologista informa que após a realização do diagnóstico, geralmente são indicados o uso de cremes hidratantes, fototerapia com UVB-NB, PUVA, lasers, corticosteroides, queratolíticos, inibidores de calcineurina, análogos da vitamina D, metotrexate, retinoides, ciclosporina, micofenolato mofetil e os modernos imunobiológicos.



Convivendo com essa enfermidade

Ter uma boa qualidade de vida com o diagnóstico de psoríase é possível, Dr. Cristiano Kakihara recomenda cinco dicas para serem aplicadas pelos pacientes, são elas:


Procure um profissional especializado

Para receber o melhor tratamento, busque um médico membro titular da SBD. Não caia na conversa de receitas milagrosas que podem piorar o quadro de saúde. Um bom profissional vai saber indicar o melhor tratamento com segurança a partir de cada caso.


Aceite que esta é uma doença genética

Muitas pessoas sofrem por não aceitar que a psoríase não tem cura, mas há controle. Por ser uma doença genética, ela pode retornar em alguns momentos da vida, assim como sumir, mas com o tratamento correto já é meio caminho andado. Aceitar a realidade e aprender a se cuidar melhor vai ajudar no controle da enfermidade.


Utilize bons produtos para tratamento

Na hora de adquirir os produtos para iniciar o tratamento dê preferência a cremes hidratantes de qualidade, pois serão eles que farão a diferença no combate à doença e conquista de uma pele hidratada e mais saudável.


Cada caso é um caso

A psoríase varia de pessoa para pessoa, isso quer dizer que enquanto alguns possuem grau leve outros têm a doença de maneira mais forte.


Aceitar que há quadros leves que não requerem tratamentos via oral, sendo somente tópicos ("cremes"), enquanto outros exigem, necessariamente, medicações fortes, sejam administrados via oral ou por injeções intramusculares ou endovenosas.


Fique atento ao seu corpo Tenha atenção à evolução do quadro o que pode acometer outros órgãos, como articulações. Nesses casos, o tratamento paralelo com um médico reumatologista é imprescindível.


Ainda há muito preconceito com relação à psoríase, mas é importante ressaltar: ela não é contagiosa! Dessa forma, é possível conviver com a doença, realizando o tratamento, garantindo melhor qualidade de vida ao paciente. 


Confira a matéria completa clicando aqui


#Psoríase #Tratamento #Cuidados #Pele #Dermotalogia




10 visualizações0 comentário

Ageimagem  |  São Paulo

 

Rua Jandiatuba, 630, cj 511

Centro Empresarial Jardim Sul

Morumbi  |  São Paulo

contato@ageimagem.com.br

Telefone: 11 99665-7704

Ageimagem  |  Rio de Janeiro

 

Av. das Américas, 11.365, A3 Offices - 2º Andar  |Barra da Tijuca  | Rio de Janeiro

contato@ageimagem.com.br

Telefone: 21 99717-7704

Segue nós_

  • Facebook Clean
  • YouTube Clean
  • Instagram Clean
  • Branca Ícone LinkedIn

2020 © por AgeImagem

Produzido por Dalton Wang

  • Black Instagram Icon
  • Black Facebook Icon
  • Black LinkedIn Icon
  • Preto Ícone YouTube