• Ageimagem

Sistema imunológico: como fortalecer?

Silmara Spinelli explica como melhorar a imunidade durante a pandemia



Imagem: Internet


Quando o assunto é sistema imunológico dos filhos, os pais já ligam o sinal de alerta. Agora, quando é esse assunto durante a pandemia, a atenção é redobrada, por causa do vírus Covid-19, que vem afetando centenas de brasileiros. A cliente da Age, Silmara Spinelli, que é farmacêutica, contou em uma entrevista para o Portal Papo de Mãe, como os pais podem cuidar dos seus filhos e deles mesmo durante essa pandemia, com quatro dicas importantes para ajudar no sistema imunológico.


Os pais e profissionais da área da saúde, tem percebido cada vez mais a queda no número de crianças doentes nesse momento da pandemia, o isolamento social ajudou nessa questão da saúde dos jovens. A questão das escolas estarem voltando a funcionar parcialmente e fechando em alguns momentos, optando apenas pelas aulas on-line, contribuiu para essa queda.


Mas, apesar disso, ainda é preciso ter uma atenção redobrada com a saúde.

Como entender o sistema imunológico de uma criança?

Então ele se desenvolve ao longo da infância. Após o nascimento, o próprio colostro, que é o leite gerado pela mãe logo após o parto, é considerado a primeira vacina que aquele bebê vai receber em sua vida.

Os alimentos também influenciam?

Sim, o que a criança consome também é importante observar, pois, ele influencia no bom funcionamento do aparelho digestivo e intestino, já que ambos são essenciais para a saúde e a imunidade dos pequenos.

De acordo com Silmara, as crianças não são super contagiosas ao novo coronavírus, nem se contaminaram na mesma proporção que a faixa adulta e, nem quando sofrem de algumas doenças, apresentam os mesmos efeitos que atacam diretamente os adultos de forma grave.

Muitos dos casos diagnosticados da covid-19 no mundo, segundo a OMS, correspondem 1,2% em crianças menores de quatro anos, e 2,5% entre quatro e 14 anos e ainda aos jovens com uma taxa de 9,6% de 15 a 24 anos.

A explicação para essa incidência da doença nessas faixas etárias está nas respostas dada pelo sistema imunológico, que permite proteger o organismo das infecções, sendo a primeira resposta do corpo humano a um patógeno.

Nesse momento são feitos diversos questionamentos na cabeça de muitos pais. Afinal, o que devemos fazer para aumentar a imunidade das nossas crianças? A resposta sempre será a prevenção apenas ela é a saída para tudo.

Saiba quais são as dicas que Silmara separou:

– Atenção na alimentação: Refeições balanceadas e ricas em nutrientes são importantes não só para evitar as temidas viroses, mas também para um estilo de vida mais saudável e ativo.

– Prática de atividades físicas: Assim como uma boa alimentação, praticar atividades físicas colabora para o bom funcionamento do sistema imune, ativando a circulação e aquecendo o organismo.

– Exposição regular ao sol: Se expor ao sol alguns momentos por dia, além de ser uma delícia, colabora com a síntese da vitamina D, que é imunoestimulante.

– Mãos limpas: Lavar as mãos com frequência, evitar colocá-las nos olhos, na boca e no nariz são medidas que evitam as viroses em qualquer época do ano, principalmente em tempos de pandemia.

- Medidas simples como essas, mas eficazes, auxiliam na melhora da imunidade, garantindo momentos únicos de amor e interação com os pequenos.

Todos esses cuidados devem ser levados em conta nesse momento de pandemia onde temos que cuidar não apenas dos pequenos, mas também de nós mesmos. A prevenção é essencial para que possamos proteger a quem amamos contra o vírus.

Saiba mais sobre cuidados com a covid-19 e prevenção nos links abaixo:

Saiba mais sobre as novas variantes e os cuidados contra a COVID-19

O que se sabe até agora sobre manifestações na pele e a COVID-19

Vacinação e Gravidez em tempos de Covid-19

Vacina contra a Covid e procedimentos estéticos

Entenda a relação entre a COVID-19 e as dores crônicas

Veja o artigo completo em: Portal Papo de Mãe





10 visualizações0 comentário